Kravice Waterfalls, as cachoeiras mais famosas da Bósnia e Herzegovina

Kravice Waterfalls (também chamado de Kravica), é um espetacular conjunto de cachoeiras no rio Trebižat e que é, sem dúvidas, a atração natural mais famosa e visitada da Bósnia e Herzegovina. Localizadas dentro de um parque, as cataratas tem mais de 25 metros de altura e a área ao redor é  super disputada, principalmente no verão, para a prática de esportes, trilhas, piqueniques e acampamentos.

Viagem realizada em abril de 2019.

  • Como chegar

Kravice fica a 10 quilômetros ao sul da cidade de Ljubuški e 40 quilômetros ao sul de Mostar e há várias maneiras de visitá-la, sendo que os passeios por agências de turismo são em geral mais práticos e rápidos, mas também podem ser a opção mais cara – os passeios são frequentemente organizados a partir de cidades como Mostar e Sarajevo, bem como Dubrovnik e Split, na Croácia. No entanto, se você quiser visitar o parque por conta própria, precisará se organizar um pouco mais.

De carro

A maneira mais fácil de chegar à Kravice Waterfalls é de carro, já que qualquer outro meio de transporte é mais complicado – se você não possui carro, você pode optar por alugar um na cidade em que está hospedado.

A partir de Mostar, a viagem levará menos de uma hora. Você pode escolher entre várias estradas, sendo a rodovia R424 a rota mais rápida (mesma estrada que leva a Medjugorje, cidade famosa por ser ponto de peregrinação). As duas outras rotas (via E73M17 ou M6) passam pelas vilas de Počitelj e de Blagaj, dois dos lugares mais lindos que visitei no país.

Se vier de carro a partir de Sarajevo, primeiro você terá que chegar a Mostar pela E73M17 ou R433 para depois continuar até Kravice.

Se vier da Croácia, a partir de Dubrovnik, você pode escolher entre duas rotas: via M6 ou a via D8 (estrada litorânea). A viagem em ambos os casos é de quase 3h. A partir de Split, a melhor opção é pela rodovia E65, em um percurso que leva menos de 2 horas (com pedágios).

De ônibus

Chegar lá de ônibus por conta própria não é a maneira mais conveniente, já que não há linhas diretas entre as principais cidades do país e o mais próximo que você pode chegar é nas cidades de Ljubuški ou Čapljina, de onde você precisará continuar de táxi ou transporte por aplicativo, o que pode deixar a locomoção cara e demorada.

  • Horários de funcionamento:

A Kravice Waterfalls fica aberta em horários diversos, dependendo da época do ano:

Nov-Fev: das 07h00 às 17h00
Mar-Abr: das 07h00 às 18h00
Maio: das 07:00 às 20:00
Jun-Set: das 07h00 às 22h00

  • Valor:

De junho a setembro: 20 KM (€10)
De outubro a maio: 10 KM (€5)
Grupo de alunos de 7 a 18 anos pagam apenas 5 KM (€2,50)
Crianças até 7 anos podem entrar gratuitamente.

  • A minha visita

Eu visitei a Kravice Waterfalls durante uma viagem de 3 dias pela Bósnia e Herzegovina. Como estava hospedado na cidade de Mostar, resolvi procurar por agências de turismo que iam até as cachoeiras e depois de muito procurar, contratei um tour de 7 horas com a agência Explore Mostar (35 euros), onde além de Kravice, também visitaria Blagaj e Počitelj.

Junto com o guia, eu estava com um norueguês e um grupo de simpáticas coreanas que conheci naquele dia mesmo, no início do passeio. Chegamos em Kravice vindos de Blagaj por volta das 13h e logo na entrada do local, há um grande estacionamento (onde você pode deixar seu carro, se for o caso), a bilheteria e sanitários. Como nossa entrada já estava incluída no valor do tour, nosso guia foi até a bilheteria retirar os ticket e alguns minutos depois já estávamos adentrando o parque. Lá, você pode optar por descer até às cataratas a pé ou de comboio, valor esse que não está incluído no ticket – o trajeto é pequeno e realmente não vale a pena.

Entrada do parque: a rampa à direita leva até as cachoeiras. À esquerda há espaço para piqueniques.

Descendo a rampa para a parte inferior, no mesmo nível do rio Trebižat, já estamos de frente com as lindas cataratas. Os guia nos explicou que a altura da queda é de cerca de 25 metros e que a paisagem do local muda ao longo do ano graças ao nível das águas. Com isso, quando o nível de água está mais baixo, principalmente durante os meses de verão, é possível nadar e praticar esportes aquáticos ali – água é bem limpinha também. No dia da minha visita, início da primavera, a força da água impressionava (havia até algumas estruturas ao redor do rio que estavam submersas).

Já o Trebižat é um dos principais rios do país e é rico em biodiversidade, com muitas espécies de plantas e animais. É também um dos afluentes do Neretva, o famoso rio que corta Mostar.

Bem em frente às cataratas e sobre o rio há um restaurante e lanchonete (não cheguei a experimentar nada de seu cardápio, mas os preços são um pouco acima da média). Há também um espaço para piqueniques e para acampamentos na área ao redor.

Restaurante

Ficamos cerca de 30 minutos livres no local, tempo mais que suficiente para admirar a beleza das cachoeiras, do rio, e de toda a natureza ao redor. Talvez por ser um dia da semana, havia poucos turistas no parque, o que foi ótimo para aproveitar ao máximo o clima de paz e tranquilidade.

Olha eu =)
  • Se localize:

 

10 atrações imperdíveis em Zagreb, a fascinante capital da Croácia.

Conheça a mais bela vista panorâmica de Mostar aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *