Passeio pelo Jardin des Plantes em Paris

O Jardin des Plantes (Jardim das Plantas) é uma das maiores e mais antigas áreas verdes de Paris. Fundado em 1640, a partir de um projeto de Guy de La Brosse (médico de Luís XIII) para ser um herbário de plantas medicinais com o nome de Jardim do Rei, hoje o espaço é integrante do Museu Nacional de História Natural.

Alameda Alfred Lacroix – Edmond Perrier

Esse jardim botânico não estava no meu roteiro inicial, mas um erro de logística me levou até ele. Isso porque durante a minha primeira “aventura” pelo metrô parisiense, eu acabei ficando um pouco perdido hehe e desci no lugar errado: a estação Paris Austerlitz, que fica em frente ao Jardin des Plantes. Com isso, aproveitei esse pequeno “equivoco” para conhecê-lo.

Apesar de não ser uma das atrações imperdíveis de Paris, principalmente se você tiver poucos dias na cidade, uma visita ao Jardin des Plantes rende belas fotos e bons momentos de descanso – o clima de paz e tranquilidade reina nesse lugar. Além disso, há algumas atrações interessantes dentro do jardim e que valem a pena a visita:

  • As estufas

Há três grandes estufas metálicas espalhadas pelo jardim:

– A estuda do jardim de inverno foi construída pelo arquiteto René Berger em 1937 em estilo art déco e abriga plantas trepadeiras, fícus, palmeiras e bananeiras;
– A estufa mexicana foi projetada por Rohault de Fleury e abriga espécies de climas áridos das Américas, África meridional e Madagascar como cactos, euphorbias e agaves;
– A estufa australiana também foi projetada por Rohault de Fleury e abriga espécies da Oceania.

A estufa mexicana
  • Rosarium

Um dos espaços mais bonitos do jardim, o rosarium foi criado em 1990 para expor ao público diferentes subespécies de rosas – são mais de 170 espécies. Na alameda das rosas há duas estátuas: “O amor prisioneiro” de Félix Sanzel e a “Venus genitrix” de Louis-Marie Dupaty.

Fonte da imagem: Wikipedia
  • Zoológico

O parque zoológico mais antigo da França e o 2° mais antigo do mundo foi criado aqui em 1795 por iniciativa de Bernardin de Saint-Pierre, a partir de animais transferidos da zoo real de Versalhes e de viveiros particulares da região. Atualmente mais de mil espécies são mantidas no zoo entre mamíferos, répteis e aves.

Um dos viveiros do zoo – Fonte da imagem: Wikipedia
  • Museu Nacional de História Natural

Oficialmente fundado em 10 de junho de 1793, durante a Revolução Francesa, o Museu Nacional de História Natural preza pela conservação de coleções científicas, a pesquisa e a formação de pesquisadores.

O museu é formado por galerias individuais que funcionam em imponentes edifícios e cada uma é especializada em uma área específica da história natural. A maior e mais famosa delas é a Grande Galeria da Evolução (Grande Galerie de L’Evolution), um espaço expositivo focado na evolução das espécies e a diversidade do mundo vivo, com destaque para a exposição de espécies extintas ou ameaçadas de extinção.

Grande Galeria da Evolução
Galeria de Paleontologia e Anatomia Comparada
Biblioteca da Galeria de Mineralogia e Geologia
  • Se localize: 

Endereço: 57 Rue Cuvier, 75005 Paris, França.

O Jardin des Plantes fica localizado no 5º Arrondissement de Paris, bem próximo ao campus da Universidade de Sorbonne e ao lado do Rio Sena. Alguns meios de se chegar até o jardim através de transporte público são:

Ônibus: linhas 24, 57, 61, 63, 67, 89, 91 – parada “MosquéeJardin des Plantes”.
Metrô: linha 5 – Gare d’Austerlitz, linha 7 – Censier Daubenton, linha 10 – Jussieu ou Gare d’Austerlitz.
Trem: gare d’Austerlitz e gare de Lyon

A entrada no jardim é gratuita. Já para entrar na Grande Galerie de L’Evolution o valor para adultos é de 10 euros.

 

Olha eu passeando pelo jardim
Escultura nos jardins

Conheça as praças mais bonitas de Paris aqui.

Você sabia que o Cemitério do Père-Lachaise em Paris é o mais famoso e visitado do mundo? Saiba mais aqui.

2 Respostas a “Passeio pelo Jardin des Plantes em Paris

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *