Conhecendo a Lapa e o Centro Histórico do Rio de Janeiro com a Rio Free Walking Tour

Boa parte das grandes e mais visitadas cidades turísticas ao redor do mundo oferecem pelo menos alguma modalidade do tradicional walking tour, passeio feito a pé com um guia passando por diversos pontos turísticos. E no Rio de Janeiro não é diferente. Existem inúmeras opções de walking tour pela cidade maravilhosa e um dos mais famosos são os da Rio Free Walking Tour, facilmente reconhecidos pela sombrinha e blusa amarela.

Certificado com o selo de excelência pelo TripAdvisor, a Rio Free tem como foco áreas históricas do Rio de Janeiro, oferecendo 3 tipos de passeios diários a pé: “Centro Histórico e Lapa”, “Copacabana Ontem e Hoje” e “Herança Africana e Região Portuária”.

Nos três passeios não é estipulado preço, mas no final é aceito uma contribuição consciente – o guia abre um saquinho preto e lá você coloca o valor que quiser e puder.

Como queria muito conhecer o riquíssimo centro histórico do Rio, mas estava com um pouco de receio de ficar andando sozinho com minha câmera pela região, resolvi escolher a primeira opção de walking tour “Centro Histórico e Lapa”, que também é o mais famoso entre as opções oferecidas. Ah, para quem tiver interesse, a Rio Free também faz passeios privativos.

Arcos da Lapa
Palácio Pedro Ernesto na Cinelândia

O tour funciona de segunda a sexta a partir das 9.30h (mas é sempre bom chegar um pouquinho antes). O ponto de encontro é na Cinelândia, em frente ao Teatro Municipal.

Cheguei lá antes das 9h e como já era de se esperar, fui o primeiro. A região tem uma grande quantidade de moradores de rua, mas também vi bastante policiamento. Se você chegar super cedo igual eu, aproveite para tomar café da manhã no Starbucks ou no Amarelinho, ambos localizados na praça. O metrô Cinelândia fica ali em frente também.

Por volta das 9.20h o pessoal da Rio Free chegou e rapidamente várias pessoas interessadas no tour e que estavam dispersas na praça se aglomerou em torno deles. São três tipos de passeio: um guiado em português, um em inglês e outro em espanhol. Três grupos foram formados em seu respectivo idioma e levados para pontos diversos da praça.

Guia em português: infelizmente não lembro seu nome

Nos é feito então uma apresentação da Rio Free e também recebemos algumas instruções e um resumo do nosso roteiro, que começa ali mesmo, na histórica Cinelândia. Percorremos toda a praça conhecendo (por fora) o Palácio Pedro Ernesto, Biblioteca Nacional, Museu Nacional de Belas ArtesTeatro Municipal e vários edifícios e cinemas da bella époque carioca, como o Cine Odeon.

Teatro Municipal
Biblioteca Nacional
Cinelândia
Palácio Pedro Ernesto

De lá seguimos até o Passeio Público, onde demos uma pequena entrada nesse que foi o primeiro parque da cidade. Passamos em frente também da Praça Mahatma Gandhi e de vários edifícios históricos como o Teatro Riachuelo, a Escola de Música da UFRJ e os antigos Edifício Mesbla (referência Art Déco) e Automóvel Club do Brasil na rua do Passeio.

Passeio Público
Portão do Passeio Público
Teatro Riachuelo
Escola de Música da UFRJ
Esse lindo prédio está abandonado há anos. Uma pena 🙂

Ao lado do Passeio fica o boêmio bairro da Lapa. Mas antes de desbravá-lo, cortamos o bairro e seguimos até Santa Teresa para conhecer a famosa Escadaria Selarón, onde ficamos cerca de 15 minutos livres para tirar fotos e conhecer o lugar.

Selarón
Selarón
Vista da Escadaria

Voltando à Lapa, conhecemos a Igreja de Nossa Senhora do Carmo da Lapa, Lampadário da LapaSala Cecília Meirelles, Museu da Imagem e do Som, os grandiosos Arcos da Lapa e o centro cultural Fundição Progresso, onde fizemos uma parada de 15 minutos (aproveite para ir no banheiro e dar uma descansada).

Igreja da Lapa

Lindos edifícios na Lapa – o amarelinho da direita é o Museu da Imagem e do Som
Aqueduto da Carioca, popularmente conhecido como Arcos da Lapa
Olha eu
Interior da Fundição Progresso

Depois seguimos até a Catedral Metropolitana de São Sebastião, onde ficamos mais 15 minutos. De lá, voltamos novamente para o centro, passando pelo Centro Cultural do BNDES, Edifício Sede da PetrobrasConvento de Santo Antônio, Largo da Carioca Confeitaria Colombo – saiba mais sobre a cafeteria mais famosa e chique do Rio aqui.

Depois seguimos para o movimentado Beco dos Barbeiros, pequena travessa cheia de restaurantes, Igreja de Nossa Senhora do Carmo da Antiga Sé e a Igreja da Ordem Terceira do Carmo (localizada uma do ladinho da outra), Convento do CarmoPraça XV e Paço Imperial, nossa última parada – ali o guia se despede e você dá ou não sua contribuição á ele. Uffa, andamos hein!

Interior da Catedral Metropolitana de São Sebastião
Catedral Metropolitana de São Sebastião
Convento de Santo Antônio
Largo da Carioca
Confeitaria Colombo
Beco dos Barbeiros
Igreja de Nossa Senhora do Carmo da Antiga Sé e a Igreja da Ordem Terceira do Carmo
Igreja de Nossa Senhora do Carmo da Antiga Sé
Igreja da Ordem Terceira do Carmo
Paço Imperial
  • E no final, valeu a pena?

Sim, valeu muito a pena, principalmente para quem tinha pouco tempo na cidade e gosta de passeios históricos e informativos, como era o meu caso; o guia foi super simpático e solícito; o tour é super proveitoso (andamos por quase 4 horas); por estar em um grupo grande, a sensação de segurança também é bem maior, o que me deixou mais tranquilo para fotografar com a câmera, por exemplo, já que a região central não é uma das mais seguras; e o melhor é que em nenhum momento foi cobrado ou foi sugerido um valor específico, você realmente oferece o que pode e o que quer.

  • Se Localize:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *