Mesquita Koski Mehmed Pasha e a melhor vista panorâmica de Mostar, Bósnia e Herzegovina

Numerosas mesquitas foram construídas e restauradas na Bósnia e Herzegovina após a violenta guerra civil nos anos 1990 e atualmente estão abertas para atividades sociais e religiosas dos muçulmanos, bem como para visitas de inúmeros turistas. Uma delas é a Mesquita de Koski Mehmed Pasha em Mostar, exemplar extraordinária da arquitetura otomana no país.

Essa mesquita foi construída entre 1618 e 1619, durante o Império Otomano, e seu fundador é Mehmed Koskija, que foi o cronista do grande vizir Lala Mehmed Sokolovic. Ele morreu em 1611 e a construção da mesquita foi concluída por seu irmão Mahmud.

Koski Mehmed Pasha foi projetada no escritório principal de arquitetura de Istambul e construída com blocos de pedra precisamente curtidos. Seu projeto arquitetônico é muito semelhante à Mesquita Karadžoz Beg, que provavelmente serviu de modelo. Mas ao contrário desta, o minarete da Mesquita de Koski Mehmed Pasha é um pouco menor sem a decoração de estalactites. Tem ainda um colorido mihrab (nicho em forma de abside) e uma varanda com uma grande cúpula + três cúpulas menores – é uma das três únicas mesquitas da cidade com cúpulas.

E para visitar seu interior basta comprar um ticket pelo equivalente a 5 euros logo na recepção da mesquita. Ali, o responsável te dará algumas orientações e você poderá admirar o lugar.

Curiosamente, ao contrário de todas as outras mesquitas que visitei, não foi necessário tirar os sapatos nessa.

Estrada da mesquita

E assim que você entra, ficará surpreso com as cores e a sensação de paz. Essa mesquita é a única de Mostar na qual foi preservada a cor e a decoração originais das paredes, mesmo tendo sido parcialmente destruída durante a Guerra da Bósnia.

Além de admirar o fascinante interior da mesquita, também é possível subir até o topo do minarete, que para quem não sabe, é a torre de uma mesquita, local do qual se anuncia as cinco chamadas diárias à oração. Para chegar até o alto, suba por uma estreita e íngreme escada – pessoas mais gordinhas ou muito altas (como eu) podem ter um pouco de dificuldade, mas que no final valem a pena.

Porta que dá acesso a escada, localizada à direita da entrada principal

O minarete da Koski Mehmed Pasha é um dos mais altos da cidade e sua localização às margens do Rio Neretva proporciona, lá do alto, a mais bela vista de Mostar: é possível ver todo o centro histórico, as montanhas que cercam a região e claro, a Stari Most, ponte que é o símbolo do país.

O espaço de observação é pequeno e a mureta de proteção é baixa, então tome cuidado e evite aglomerações.

Stari Most

Olha eu no alto do minarete
Rio Neretva

Assim que você descer do minarete, vá até os jardins localizados ao fundo da mesquita e que também proporcionam belas vistas da ponte.

Bebedouro em frente à mesquita
  • Se localize:

Endereço: Mala Tepa 16, Mostar 80807, Bósnia e Herzegovina.

Quer saber sobre viagem pela Bósnia e Herzegovina? é só clicar aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *